Veto do Prefeito quase foi derrubado pela câmara de vereadores.

29/08/2017

Por muito pouco o Veto do Prefeito foi negado pela câmara de vereadores de Sarandi.

O veto consistiu em cima da emenda o qual o vereador Cilas Moraes colocou no projeto de lei original, autorizando que o Prefeito abra 15 % de crédito adicional, valor menor que os 25 % solicitados por ele. Na ocasião a emenda foi aprovada por 5 votos.

Algumas semanas após essa votação, eis que o poder Municipal enviou o veto para anular a decisão da câmara.

A votação ocorreu em ordem alfabética dos nomes, na modalidade de Sim ou Não, ficando assim os contrários ao Veto optando por votar "Não" e os Favoráveis ao Veto votando "Sim".

Para derrubar o Veto do Prefeito era necessário a "maioria absoluta dos membros da câmara", ou seja, necessitava de no mínimo 6 votos e como houve-se apenas 5 votos contrários ao veto, embora tenha ganhado por 5x4, não foi suficiente para derrubá-lo.

O Placar só não foi maior para um dos lados pelo fato do presidente da câmara não votar, com isso tivemos contrário ao Veto do Prefeito os Vereadores André Luiz "Mineirinho", Eliana Trautwein, Erasmo Cardoso, Aparecido Antônio "Cido Policia" e Cilas Moraes. Já favorável ao Veto e consequentemente dando maior liberdade de gasto ao Prefeito tivemos os Vereadores Eunildo Zanchin "Nildão", Nito, Gilberto Messias "Gil" e Dionizio.