Em uma semana, 300 escorpiões são capturados em Jussara.

09/10/2017

No mês de agosto, um menino de quatro anos morreu após ser picado por um escorpião na cidade; município está em epidemia, de acordo com a Secretaria de Saúde.

Agentes do setor de endemias de Jussara, Paraná, capturaram 300 escorpiões em uma semana, durante mutirão em imóveis e terrenos. O município está em situação epidêmica, segundo a Prefeitura.

A Secretaria Estadual de Saúde informou que a cidade está entre as quatro do estado com o maior índice de picadas por escorpião neste ano. De janeiro a agosto, foram registrados 27 casos de pessoas picadas.

Jussara está em campanha de limpeza em terrenos, para evitar a aparição dos escorpiões. Segundo o setor de endemias, do dia 28 de setembro a 1º de outubro foram recolhidas 120 toneladas de entulhos.

A prefeitura informou que vai contratar, em caráter emergencial, 15 funcionários para trabalhar diretamente na captura e na orientação de moradores sobre o assunto.